learnex



Minuto com Deus: O amor
Escrito por Bruno Casali
Qua, 29 de Fevereiro de 2012 09:24
PDF Imprimir E-mail

O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal; Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.   (1 Coríntios 13:4-7)

Como podemos perceber, o amor é muito mais que um sentimento, é uma decisão. Jesus já nos alertava que o maior mandamento era amar a Deus de todo coração, alma e mente e ao próximo como a nós mesmos. ( veja Mateus 22:36-40).Pois amar a quem nós convivemos e compartilhamos nossos gostos é bem mais simples, mas o grande desafio é amar até nossos inimigos. Este tipo de amor requer um compromisso de vontade. A medida que amamos a Deus ,com todo nosso coração e entendimento, Ele mesmo nos acrescenta este amor incondicional, pois por nós mesmos seria impossível.

A Bíblia nos ensina que Deus é amor ( veja 1 João 4:8).Quando entendemos a profundidade deste versículo, podemos compartilhar com outras pessoas  a essência deste amor.

 

 
Minuto com Deus: Ame seu Irmão
Escrito por Eduardo Ferreira de Melo
Ter, 28 de Fevereiro de 2012 11:29
PDF Imprimir E-mail

"E dele temos este mandamento: que quem ama a Deus, ame também a seu irmão." (1 João 4:21)

Se fomos atraídos pelo amor de Deus, e nós também o amamos, fica simples de concluir que a principal e maior mensagem do evangelho, é o amor. O grande amor que foi manifestado através de Jesus Cristo na cruz. O versículo chave que lemos é um mandamento, não é opcional. Portanto se queremos que Deus seja o centro em nossa vida, devemos nos render a sua vontade.

Praticar o amor, na vida cristã, é fundamental, pois é a própria essência do cristianismo.

No versículo anterior ao que lemos diz: Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu? (1 João 4:20)

Vamos tornar este mandamento prática em nossas vidas, sermos imitadores de Cristo, nos esvaziando a nós mesmos, para que a glória do Senhor se manifeste através de nossas atitudes.


 

 
Minuto com Deus: Atribulados
Escrito por Eduardo Ferreira de Melo
Sex, 10 de Fevereiro de 2012 08:04
PDF Imprimir E-mail

Em tudo somos atribulados, porém não angustiados; perplexos, porém não desanimados."    (2 Coríntios 4:8)

Este versículo retrata uma parte da estória do apóstolo Paulo, que estava sendo perseguido, foi acusado e preso, mas mesmo assim se manteve firme. Enfrentamos sim, dificuldades, lutas que parecem não ter fim, somos as vezes acusados de algo que não fizemos, mas devemos usar como exemplo esta postura de Paulo que não se deixou abalar. E assim o fez não porque era um “Super Humano”, muito pelo contrário, em algumas passagens bíblicas vemos o mesmo Paulo se derramando diante de Deus. Mas em todos os momentos ele confiou Naquele que é o único Poderoso sobre qualquer circunstância. Esta era sua receita espiritual diante dos problemas.

Sofremos muitas vezes por não sermos agradecidos e termos nossos olhos apenas voltados para a dificuldade, e assim não entendemos que nada acontece por acaso, existe um propósito e é para o nosso crescimento.

Acredite que o maior interessado em sua vida é o próprio Deus! Ele te criou, você é fruto de Seu sonho, Ele te conhece perfeitamente, cada detalhe, e o mais impressionante, Ele te ama do jeito que você é!

Mudanças em sua vida depende exclusivamente de uma postura sua diante deste Deus que te ama tanto. Paulo reconheceu este amor dizendo:

 Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor.  (Romanos 8:38-39 )

 
Minuto com Deus: Entrega Teu Caminho
Escrito por Eduardo Ferreira de Melo
Ter, 07 de Fevereiro de 2012 09:32
PDF Imprimir E-mail

Entrega o teu caminho ao SENHOR; confia nele, e ele o fará. (Salmos 37:5 )

Uma só pessoa pode de várias maneiras influenciar a vida de outra, seja para o bem quanto para o mal. E todos nós temos uma responsabilidade sobre nossas ações. Elas podem atingir diretamente a vida de pessoas de nosso ciclo de uma forma sutil, mas não menos eficaz. Pessoas precisam de pessoas, e até por este motivo, procuram exemplos, colunas de sustentação, principalmente vidas que ainda estão em formação, como as crianças.

Por isso não devemos apenas manifestar o amor em palavras, mas também em ações .E para isso devemos andar ao lado de Deus e sempre pedindo orientação para fazermos o que é correto perante seus olhos.

A nossa vida sempre nos mostrará várias escolhas, e a correta sempre será a que leva aos caminhos do Senhor.

A Palavra de Deus nos diz: Há um caminho que parece direito ao homem, mas o seu fim são os caminhos da morte. (provérbios 16: 25)

Por isso você deve entregar seu caminho ao Senhor, Nele você pode confiar!

 

 
Minuto com Deus: Sua cruz
Escrito por Eduardo Ferreira de Melo
Qua, 01 de Fevereiro de 2012 15:07
PDF Imprimir E-mail

Então disse Jesus aos seus discípulos: Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me; (Mateus 16:24)Carregar a cruz, o que Jesus quis dizer com isso? A cruz de Cristo é semelhante a sua cruz, que significa, obedecer em qualquer circunstância a Deus. Seja obediente a Ele, nas dificuldades, na doença, em meio a qualquer obstáculo, seja obediente e se cumprirá sobre sua vida a promessa: “Sê fiel até a morte, e Eu te darei a coroa da vida!” (Apocalipse 2:10).

As maiores vitórias em nossa vida, nos conseguimos em meio as maiores batalhas. E assim se cumpre outra de suas promessas ,“eu vos aliviarei”.

Jesus mesmo disse ,para que viessem a Ele todos os que estavam cansados, oprimidos ,garantindo este alivio.  ( Mateus 11:28)

Jesus nunca irá te abandonar, aquele que o reconhece como Senhor em sua vida, tem esta promessa, e muito mais ,que o Espírito Santo estará com ele para sempre , mostrando o caminho da salvação. Ele disse:

E eu rogarei ao Pai, e ele vos dará outro Consolador, para que fique convosco para sempre; (João 14:16 )

Estas promessas são também para você! Creia!

 

 
Minuto com Deus: Videira dar figos?
Escrito por Eduardo Ferreira de Melo
Seg, 30 de Janeiro de 2012 07:50
PDF Imprimir E-mail

"Acaso, meus irmãos, pode a figueira dar azeitonas ou a videira dar figos? Do mesmo modo a fonte de água salobra não pode dar água doce." Tiago 3:12

Não há possibilidade de sermos duas coisas ao mesmo tempo. Ou você pratica o bem ou o mal, é verdadeiro ou falso, ama ou não, ou ajuda ou atrapalha. O caminho que nos leva a Deus é também da mesma forma , não existe outro caminho, não há opções, não é como ruas em uma direção, que se por algum motivo estiverem interditadas, você segue por uma paralela. Não é assim, há um só caminho! Jesus!

Ele disse: Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai,

senão por mim. (João 14:6)

Você pode até ficar indeciso em relação a muitas coisas, pode ficar em cima do muro, como se costuma dizer, mas nunca em relação a esta verdade que a Bíblia nos ensina: Quem não é comigo é contra mim; e quem comigo não ajunta, espalha (Lucas 11:23)

Você pode já ter ouvido várias vezes sobre a mensagem do evangelho de Jesus Cristo, mas ainda não se deu conta da dimensão, da grandiosidade desta mensagem. Jesus Cristo morreu na cruz por mim, e por você, e agora te dá a oportunidade  em vida, de reconhecê-lo como seu Senhor e Salvador.

Mas esta decisão é só sua, eu não posso fazer isto por você, seus pais não podem, seus parentes não podem, o passo seguinte só pode ser dado por você!

Pare e Pense: Só Jesus pode preencher este vazio dentro de você, que é exatamente do tamanho de Deus!!

 

 
Minuto com Deus: Pela Graça
Escrito por Eduardo Ferreira de Melo
Sex, 27 de Janeiro de 2012 07:50
PDF Imprimir E-mail

Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus; não de obras, para que ninguém se glorie." Efésios 2:8-9 

Pessoas ainda hoje vivem em um tremendo engano crendo que a salvação é vinculada a caridades, boas obras e doações, enfim, acreditam que suprindo necessidades de outros, estão adquirindo o ingresso para a entrada no Reino de Deus. Isso é muito bom, é recomendável, a Bíblia nos recomenda a amar ao próximo, é nosso dever, se possível, sempre ajudar. Mas isso não é regra, não é critério para a nossa salvação. A mesma Bíblia nos ensina: Sendo justificados gratuitamente pela sua graça, pela redenção que há em Cristo Jesus. (Romanos 3:24)  

Como acabamos de ler, é de “graça”, pelo grande amor de Deus por nós.

A graça nos salvou! Aleluia! Um favor não merecido, Jesus Cristo foi crucificado para nos salvar. Aquele que reconhece este ato de amor, o Espírito do próprio Deus, habita nele e transforma sua vida. E por isso toda glória e honra seja dada a Jesus, o único pela qual podemos ser salvos.

 
<< Início < Anterior 1 2 Próximo > Fim >>
Página 1 de 2